Já tive uma nespereira. A única na aldeia. Às vezes tenho saudades dela, embora haja por aí, em quase todos os quintais, esta linda e saborosa fruta amarela.

Quem as possui, junta o útil ao agradável.

 

nesperas.jpg

 

Nespereira com nêsperas

 

Para quem gostar, agora que acabaram, cá ficam!

Eu sou um guarda-rios comum (alcedo atthis) e azul, tal como o Ventor gosta. Caminharei por aqui, neste Planeta Azul e, na companhia do Ventor, se nos deixarem

tags:
publicado por Ventor às 10:04